ponto

Leave a comment
coracional

Eu quero bordar minha alma
Quero tecer cada fio
cada linha
cada contorno eu quero bordar de poesia.

Eu quero riscar a minha pele
Cada cicatriz e passo
Toda textura
Eu quero desenhar de poesia.

Eu quero que o fio da navalha
Que a face fria da tesoura toca
Faça de minha alma moldura
Retrato pleno e sereno de poesia.

Eu quero criar uma melodia
Um canto e encanto
Que seja sopro e ritmo
Da dança cósmica e transcendental
Da poesia.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *