Month: Abril 2013

para o que nasce

visceral

Descobristes um desejo azul num jardim de girassóis e um caminho de flamboyants sangrentos que na verdade sempre viveram dentro de ti. Descobristes um poeta: (Ernesto, Pablo ou Affonso) de palavras vivas! que dependem só de si para vibrarem num papel amassado ou num livro de capa dura dourado que sempre viveram dentro de ti. Fostes também mulher: Inês, Íris, Lia, Madalena, todas elas de canto doce de doce encanto fortes tal qual Rosário livres […]